"Pedro Homem de Mello"

Pedro da Cunha Pimentel Homem de Mello, Poeta (Porto, 6.9.1904-ib, 5.3.1984). Em 1926 formou-se na Faculdade de Direito de Coimbra. Foi Delegado do Procurador da República em Águeda (1927) e exerceu a advocacia. Professor do Ensino Secundário, Foi diretor da Escola Comercial Mouzinho da Silveira. Estudioso do folclore português, dedicou a este campo numerosos programas na televisão e ensaios como A Poesia na Dança e nos Cantares do Povo Português, 1941, Danças Portuguesas e Danças de Portugal. Poeta, fez parte do movimento da revista Presença. Estreou-se com o volume Caravela ao Mar, 1934, e com  Segredo, 1939, obteve o prêmio Antero de Quental, com Há Uma Rosa na Manhã Agreste, 1964, o Prêmio Ocidente, como Eu Hei-de Voltar um dia, 1966, o Prêmio Casimiro Dantas e Eu Desci aos Infernos, 1972, o Prêmio Nacional de Poesia. As raízes do seu lirismo bem português mergulham na própria vivência íntima e na profunda sintonia com o povo, cuja alma se lhe abria através do folclore, tendo por cenário a paisagem nortenha.

A fadista Amália Rodrigues em 1950 começa a cantar poemas de Pedro Homem de Mello, O mais célebre dos quais é Povo Que Lavas No Rio .

Leia Mais: http://www.instituto-camoes.pt/cvc/poemasemana/30/saudade3.html 

Voltar

 

Inicial | Advogado e Calc. Trabalhista | Advogados Associados | Psicoterapia OnLine | Recursos Humanos | Poesias OnLine | Jogos/Downloads/MP3 | Estrela da Manhã | Noite Inusitada | Homenagem ao Maior Amigo | Dicas de Português | Tour e Folclore de PE | Brasil: São Paulo até Recife | 1ª Viagem Internacional | Europa: Espanha até Portugal | Europa I: 25 dias de Motorhome | Europa II: Espanha - Portugal | 19 dias de Trem pela Espanha | Dicas e Contatos na Europa | Família Homem de Mello | História do Homem de Mello | Genealogia Homem de Mello | Genealog. Mario Homem de Mello | Destaques na Família | Contatos Homem Mello | E-mail